Home Blog / Guias Completos / Guia: Calendário sazonal para campanhas de marketing

Guia: Calendário sazonal para campanhas de marketing


Por Alphabrand em 21 de julho de 2022


Neste guia, você vai aprender como utilizar o calendário sazonal para suas campanhas de marketing digital

Em um mercado cada vez mais acirrado, apostar em estratégias inteligentes de marketing digital pode ser o diferencial que faltava para te colocar na frente da concorrência.

Mas como fazer isso? De onde tirar as ideias? Existem diferentes formas de inovar no marketing. Uma delas é aproveitar de forma criativa as épocas mais estratégicas do ano, como é o caso das datas sazonais.

Sazonal significa temporário, algo que tem um período específico para acontecer. Ao longo do ano, nosso calendário possui várias datas comemorativas. Algumas tão especiais que a comemoração se estende para além de um único dia. Essas são as chamadas datas sazonais.

Muitas empresas aproveitam as datas sazonais de forma estratégica, como uma oportunidade para vender mais. Se você ainda não faz isso ou sente que não tira o máximo de proveito desse tipo de movimento, é hora de virar o jogo — e o objetivo deste Calendário Sazonal é te ajudar nessa missão.

Caneta e papel na mão? Aproveite a leitura e boas vendas!

O que é o Calendário Sazonal?

Matérias nos noticiários, portais de notícia, eventos e até decorações típicas — as datas sazonais são períodos do ano que ganham relevância na mídia devido a sua importância e o seu significado.

E justamente por essa relevância e notoriedade, essas datas têm potencial para se tornarem ferramentas de relacionamento entre empresas e clientes, servindo como ponto de partida para criação de campanhas promocionais e até produtos/serviços temáticos.

Quer exemplos? Natal, dia das mães, dia dos pais, dia dos namorados… Todas essas datas podem servir como base para a criação de comunicação estratégica no ambiente digital.

Portanto, neste guia, você verá, entre outros tópicos:

  • Os benefícios de trabalhar o Calendário Sazonal no marketing digital;
  • Como utilizar o Calendário Sazonal na sua estratégia de marketing;
  • Como escolher as datas que fazem sentido para o seu negócio;
  • Quais as principais datas comemorativas para o comércio;
  • Exemplos práticos de campanhas sazonais.

Quais os benefícios de utilizar um calendário sazonal?

Você já sabe o que são datas sazonais e que elas podem ser uma maneira inteligente de chamar atenção dos consumidores e atrair resultados para o seu negócio por meio do marketing digital.

Mas quais são os benefícios práticos reais de usar esses períodos do ano? Aqui estão listados alguns deles:

Aproveitar que os consumidores estão mais propensos à compra

O dia das mães é, historicamente, a segunda data do ano mais importante para o comércio, ficando atrás apenas do natal.

Isso porque datas como o dia das mães e o próprio natal são datas de homenagem. Ou seja, uma fatia significativa de consumidores aproveitam a ocasião para demonstrar o seu amor para as pessoas queridas. Ou seja, estão mais propensos à compra do que estariam em dias comuns do calendário.

Empresas que aproveitam ambas as ocasiões com inteligência, fazendo uma conexão entre a data e os seus produtos/serviços, colhem os frutos saborosos da lucratividade.

A sua já é uma delas?

Aumentar o vínculo com os seus clientes

Além das vendas, o calendário sazonal podem ser oportunidades perfeitas para gerar conexão com os consumidores. Afinal, por meio de ações e campanhas temáticas, é possível aproveitar esses períodos do ano, como o outubro rosa ou o dia internacional das mulheres, para humanizar a comunicação e homenagear clientes.

Distribuir descontos especiais, mensagens afetuosas ou premiar clientes específicos são alguns exemplos de ações que podem ser utilizadas para atingir esse objetivo.

Conquistar a atenção de novos consumidores

Como as ocasiões são aproveitadas por diferentes empresas, muitas delas acabam sendo repetitivas. É normal. Nesse contexto, quem sai do óbvio e aposta em movimentos fora da caixa têm maior potencial de ser notado.

Portanto, aproveitar as datas sazonais para apostar em ações criativas pode ajudar a chamar ainda mais atenção dos consumidores. É como diz aquela famosa frase atribuída a Albert Einstein: “Loucura é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar resultados diferentes”.

Reforçar valores e bandeiras que a marca apoia

Quais os valores e bandeiras que a sua marca apoia? Outro motivo para aproveitar as datas sazonais é reforçar valores que não necessariamente tem a ver com vendas, mas sim como posicionamento.

No mês de outubro, por exemplo, período que compreende a campanha outubro rosa, reverter parte das vendas para instituições beneficentes relacionadas à saúde da mulher é uma ação de posicionamento. É uma forma de dizer “a minha marca se importa com essa causa”.

Outra maneira de reforçar valores em datas sazonais é usar vídeos e imagens de casais LGBTQIA+ em campanhas de dia dos namorados, como grandes empresas já fazem. Esse tipo de ação costuma fidelizar clientes e transformá-los em verdadeiros discípulos, pois gera identificação imediata por quem se sente representado.

Como utilizar o calendário sazonal na sua estratégia de Marketing.

Aproveitar estrategicamente uma data sazonal não é só fazer um post sobre o assunto nas redes sociais e esperar que as vendas aconteçam. É preciso mais. Não dá para ser aleatório ou deixar para pensar em algo rápido um dia antes de veicular a campanha.

Algumas etapas são essenciais para aumentar as chances das campanhas de datas sazonais funcionarem com sucesso. Elas estão listadas logo abaixo:

Analise o seu público

O primeiro passo é identificar com quem a sua marca conversa:

  • Quem são as pessoas que mais compram de você?
  • Qual a idade delas?

Anote todas as informações demográficas como estado civil, renda, entre outras, e faça um mapeamento desses dados.

“Isso é realmente necessário?” Sim. Esse passo é fundamental para, na etapa posterior, definir quais as datas sazonais que fazem sentido com o seu público.

Afinal, se o seu público é majoritariamente composto por homens, criar promoções relacionadas ao dia da mulher não faria sentido, ainda que todas as funcionárias da empresa sejam mulheres.

Escolha datas do calendário sazonal que façam sentido para o seu negócio

Mapeado o público, o próximo passo é definir quais as datas que fazem sentido para o seu negócio. É interessante buscar sempre conectar os pilares data + negócio + consumidor.

Vamos ver um exemplo prático?

Guaraná Antártica – Marca na Lata

O refrigerante Guaraná Antártica tem como identidade o orgulho de ser um produto 100% brasileiro. Por isso, aproveitou os jogos olímpicos de Tóquio para veicular uma campanha sazonal não só com o objetivo de alavancar as vendas, como também reforçar o seu posicionamento.

Após se tornar patrocinadora oficial da seleção feminina de futebol, a marca lançou a campanha “Marca na Lata”. Nessa ação, empresas que também se tornassem apoiadoras do futebol feminino, teriam a oportunidade de anunciar o seu logotipo nas latinhas da bebida.

Há total conexão entre data (olimpíadas) + negócio (bebida 100% brasileira) + consumidor (público brasileiro).

Programe-se com antecedência

Definidas as datas que fazem sentido, o passo seguinte é criar um planejamento detalhado. Quanto antes, melhor. Esse planejamento detalhado envolve não só a criação da campanha, como também:

  • Levantamento de verba de marketing disponível para criação e veiculação da campanha;
  • Mapeamento de produtos/serviços que despertam maior interesse do público;
  • Abastecimento de estoque para evitar faltas;
  • Definição de possíveis percentuais de desconto (os descontos devem ser reais!);
  • Consideração de benefícios especiais e exclusivos para clientes fiéis para estimular a recompra.

A falta de planejamento antecipado diminui as possibilidades de resultado e torna as ações mais caras. Além de aumentar as chances de erros. Portanto, foque sempre em antecedência.

Escolha os canais onde fará a divulgação do seu calendário sazonal

Após o mapeamento do público, escolha das datas que mais fazem sentido com a sua marca e um planejamento estruturado, o próximo passo é escolher os canais de divulgação. Ou seja, definir onde essa campanha será veiculada.

Esses canais não devem ser selecionados de forma aleatória, mas sim estrategicamente. Levando em conta, entre outros pontos:

  • Quais os objetivos da ação de marketing digital – a meta é maior alcance, engajamento ou vendas? Dependendo do objetivo e do canal, os custos de produção e veiculação variam. Por isso, a primeira etapa consiste em estabelecer as metas.
  • Onde está o seu público-alvo – é preciso considerar não só o número de usuários ativos de cada plataforma, como também se determinada plataforma é utilizada pelos consumidores que você deseja atingir.O app TikTok, rede social de vídeos curtos, é um exemplo que pode ser citado aqui. Apesar de, recentemente, o aplicativo ter ultrapassado o número de downloads do Facebook, a sua base de usuários ainda é, majoritariamente, composta por jovens. Significa que a plataforma não é uma opção inteligente para qualquer negócio, mas sim para aqueles que miram nesse público.
  • Quais as estratégias utilizadas pelos seus principais concorrentes – para se manter competitivo no mercado é preciso ficar de olho também na concorrência. É preciso estar também onde eles estão.Analise a frequência de postagens, tom de voz da comunicação, linguagem utilizada e qualquer outra informação que possa ser útil tanto para a sua marca se diferenciar, quanto para não acabar fazendo algo muito parecido ao que já está no ar.
  • Quais os formatos e possibilidades de cada canal – outra coisa que influencia na escolha dos canais são os formatos que melhor funcionam em cada um deles. Entenda melhor sobre as possibilidades de anúncio dos principais canais digitais:Facebook: a maior rede social atualmente, com 2,85 bilhões de usuários, incluir o Facebook na sua estratégia pode ser vantajoso.
    A plataforma permite a criação de formatos variados de anúncio, dentre eles: vídeos, imagens estáticas, carrossel (várias imagens juntas), ofertas (específicos para quem tem uma loja virtual) e eventos.Instagram: além do grande número de usuários, 1,22 bilhões, cerca de 500 milhões deles acessam a rede diariamente. Ou seja, o tempo de uso também é alto. Por isso, a famosa rede social de fotos precisa estar presente na sua estratégia.Hoje, o Instagram permite a criação dos seguintes tipos de anúncio: foto (imagem estática), vídeos, carrossel (várias imagens juntas) e anúncios nos stories.Twitter: na rede social do passarinho são 206 milhões de usuários diários comentando sobre notícias do momento e tendências. Sendo uma opção interessante para ações de datas sazonais que pretendem fazer conexões com fatos que estão acontecendo em tempo real.A plataforma também permite a criação de anúncios por meio da promoção de tweets com ou sem imagem.LinkedIn: com 774 milhões de usuários cadastrados no mundo todo, a maior rede social profissional que existe também é uma das opções de canais disponíveis para a sua estratégia de marketing.No entanto, é preciso analisar muito bem quais os objetivos e público a ser atingido, pois o LinkedIn tem um perfil de usuários mais sério e corporativo.A plataforma permite a criação de diferentes tipos de anúncio, incluindo mensagens que são enviadas diretamente para a caixa de entrada dos usuários.

    TikTok: com cerca de 1,1 bilhões de usuários ativos mensais, a rede é considerada um dos grandes fenômenos atuais, devido a sua rápida expansão.

    Recentemente, o TikTok liberou os anúncios no formato de vídeo e a segmentação é feita por meio de inteligência artificial. Mas, por se tratar de uma plataforma de vídeos curtos, com uma pegada mais divertida, a rede atinge, principalmente, o público mais jovem.

    E-mail marketing: apesar de existirem diversas opções de redes sociais, e de esses serem canais atraentes, o bom e velho e-mail marketing não deve ser deixado de lado.

    Afinal, aqui o alcance não depende de algoritmo e se você tem uma lista construída de forma legítima, é possível se comunicar de forma mais próxima (não há distrações durante a leitura) e com um público mais quente — o que aumenta as chances de resultado.

  • Qual a verba disponível para utilização – a verba disponível também é um fator a se considerar na escolha dos canais de veiculação da ação. Afinal, alguns canais custam mais caro do que outros, de acordo com a concorrência da plataforma e até do formato.Um exemplo disso são os anúncios feitos no formato stories. Como esse tipo de conteúdo é mais visto que os posts estáticos do feed, os anúncios desse formato custam mais caro.

Analise o Resultado

Após o mapeamento do público-alvo, seleção de datas sazonais que fazem sentido com a sua empresa e segmento de mercado, planejamento antecipado, escolha de canais e (ufa!) a efetiva veiculação da campanha, trabalho concluído!

Certo? Errado!

É preciso analisar os resultados. Ou seja, acompanhar os cliques, o alcance, entender o que funciona melhor com o seu público e o que pode ser pausado e repensado.

Aliás, a grande vantagem do marketing digital sobre o marketing tradicional é esta: as campanhas são organismos vivos. O que está dando muito errado pode ser imediatamente interrompido — e o dinheiro poupado. Não é necessário esperar o tempo de veiculação acabar.

Principais datas comemorativas para o comércio

Percebeu o quanto é importante desenvolver um calendário sazonal para se conectar ainda mais com os consumidores e turbinar as vendas? É importante ficar de olho e não perder as oportunidades de fazer o seu marketing brilhar no ambiente digital.

Aliás, agora que você já entendeu como se planejar para isso e quais as etapas envolvidas na criação das estratégias, vamos falar um pouco das datas mais importantes para o comércio.

Dia das Mães

O dia das mães é, historicamente, a segunda data do ano mais importante para o comércio, ficando atrás apenas do natal. E ela pode ser aproveitada para diferentes tipos de negócio — afinal, ainda que o seu público não seja de mulheres e mães, todo mundo tem uma mãe (seja ela de sangue ou de coração).

Lojas de moda podem aproveitar a data para aquecer as vendas de roupas e sapatos femininos. Restaurantes podem oferecer um cardápio ou descontos especiais para aqueles que estiverem acompanhados das mães no mês de maio.

E como os animais de estimação também são como filhos, essa data também é uma oportunidade para os petshops homenagearem as mães de pet.

Dia dos Pais

A terceira melhor data do ano para o comércio é o dia dos pais, que fica atrás somente do natal e do dia das mães. Portanto, uma oportunidade de ouro para caprichar nas suas ações de marketing.

Farmácias, por exemplo, podem aproveitar a ocasião para oferecer descontos em kits de perfumaria e desenvolver uma comunicação acolhedora, falando sobre saúde e bem-estar.

Dia dos Namorados

Quando o amor está no ar, a vontade de presentear a pessoa amada também aflora. Neste ano, apesar da pandemia, a data movimentou 28% a mais de faturamento, comparado ao ano de 2020 — isso só no comércio eletrônico.

Portanto, aposte em uma campanha romântica e use a criatividade para chamar atenção das pessoas nesse período do ano. Afinal, presentear é uma forma de amar.

Natal

A data sazonal mais importante para o comércio não pode, de forma alguma, ficar de fora da sua estratégia de marketing. Aliás, é uma das poucas datas comemorativas que movimentou ainda mais dinheiro durante a pandemia. Você sabia disso?

Só no mercado digital, as vendas no varejo brasileiro cresceram 44,6% no natal de 2020, em comparação ao natal de 2019, foi o que concluiu um levantamento realizado pela EbitNielsen.

Os kits para presentear com preço especial podem ser uma boa estratégia para aumentar o ticket médio de perfumarias e supermercados.

Lojas de moda e de sapatos também podem aproveitar a ocasião para oferecer vales-compra, pois a época coincide com os sorteios de amigo-secreto, tradicional brincadeira que acontece em muitas empresas.

Black Friday

Uma data sazonal que caiu no gosto do brasileiro foi o Black Friday. Para se ter uma ideia, em 2020, mesmo com a pandemia e o impacto que o momento provocou em diversos setores, as vendas na famosa sexta-feira das compras somaram R$ 4 bilhões em 2020. Um recorde!

Seja qual for o seu tipo de comércio, a Black Friday é uma oportunidade de ouro para turbinar os seus resultados. Mas, vale deixar a dica: não engane o seu consumidor. Ofereça descontos reais. Tentar enganar o público pode ser um tiro no pé.

Outubro Rosa

Diferente das datas sazonais anteriores, o outubro rosa não é uma ocasião cujo foco deve estar, necessariamente, nas vendas, mas em aumentar o vínculo com os clientes por meio da comunicação humanizada.

Aproveite a ocasião para criar ações temáticas voltadas ao público feminino, oferecer brindes, adaptar a identidade visual da sua marca e até destinar parte das vendas de determinados produtos/serviços a instituições conectadas com a causa.

Dia do Consumidor

Assim como a Black Friday, o dia do consumidor é uma data que tem ganhado cada vez mais força quando o assunto é vendas. Ou seja, uma oportunidade e tanto para começar o semestre com o pé direito, pois a comemoração acontece no dia 15 de março.

Uma peculiaridade do dia do consumidor é que, diferente das datas sazonais anteriores, não há uma identidade visual ou comunicação específica “padrão” para essa ocasião. Isso permite maior criatividade na hora de elaborar as suas campanhas.

Calendário com as principais datas comemorativas de 2022

Agora que você já sabe o que é uma data sazonal, quais os benefícios de aproveitar essas ocasiões no marketing do seu negócio, quais as etapas envolvidas no planejamento estratégico de ações e também as datas mais importantes para o comércio, vamos ao nosso último passo.

Acesse o site Calendário Sazonal, conheça as principais datas comemorativas de 2022 e comece a planejar um ano estratégico e cheio de resultados para o seu negócio!

1